11/04/2022 às 19h56min - Atualizada em 11/04/2022 às 19h56min

Pâmella Oliveira pode ser tri do Ironman 70.3 Floripa

Ela é medalhista nos Jogos Sul-Americanos de 2014

- Peter Falcão
Pauta Livre Assessoria
Pâmela representou o Brasil em duas Olimpíadas em Londres e no Rio. Fotos: Peter Falcão.

 

 

Campeã das edições de 2018 e 2019, a capixaba Pâmella Oliveira pode se sagrar tricampeã do IRONMAN 70.3 Florianópolis, previsto para acontecer no próximo dia 24.

 

Válido como classificatória para o Mundial IRONMAN 70.3 2022, programado para outubro, nos Estados Unidos, o Itaú BBA IRONMAN 70.3 Florianópolis confirma sua força no circuito ao receber 1.750 atletas de quatro Continentes – América, Europa, África e Ásia. 

A disputa será na Praia do Ingleses, a partir das 6h30min, e os competidores acima de 18 anos terão pela frente 1.9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21.1 km de corrida. Estarão em jogo 45 vagas para o Mundial, o que torna a disputa ainda mais emocionante.

 

Ao todo, estarão representados 21 países. O Brasil, como era esperado, tem a maior delegação de inscritos, com 1.664, seguido por Argentina, com 29, e o Paraguai, com 14. As demais nações confirmadas são Canadá (2), Suíça (1), Chile (8), Colômbia (1), Alemanha (1), França (1), Gabão (1), Reino Unido (1), Guatemala (1), Itália (1), Marrocos (1), Malásia (1), Peru (3), Porto Rico (1), Uruguai (10), Estados Unidos (7), Venezuela (2) e África do Sul (1)

 

Contar com essa representatividade, a maior desde da primeira edição, em 2018, logo na abertura da série de eventos no país é motivo para comemoração. Depois de toda a turbulência provocada pela pandemia nos últimos dois anos, impedindo a realização da prova, o Itaú BBA IRONMAN 70.3 Florianópolis vai se consolidando no cenário internacional e entra de vez na rota dos atletas de todo o mundo”, destaca Carlos Galvão, CEO da Unlimited Sports, organizadora do evento.

 

O Itaú BBA IRONMAN 70.3 Florianópolis é a primeira das cinco etapas programadas em 2022 e estará com foco nas categorias da Faixa Etária. Além da capital catarinense, também receberão o Itaú BBA IRONMAN 70.3 as cidades do Rio de Janeiro (Julho), Maceió (Agosto), São Paulo (Setembro), e Fortaleza (Novembro). Já o Itaú BBA IRONMAN Brasil completará sua 20ª edição em Florianópolis, no dia 29 de maio, em Jurerê Internacional.

 

Depois de se destacar na natação do Alvares e do Praia Tênis, Pâmella migrou para o triathlon, modalidade na qual conquistou diversas competições importantes internacionais. Foi, por exemplo, medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 2011. E medalhista nos Jogos Sul-Americanos de 2014. Obteve um tricampeonato no Ironman 70.3 do Rio de Janeiro, além de representar o Brasil em duas Olimpíadas (Londres e Rio).

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Quais são os piores motoristas de Colatina

47.2%
23.1%
29.7%