19/04/2022 às 06h57min - Atualizada em 19/04/2022 às 06h57min

O consagrado “paredão”, Leandro Fanta e as doces lembranças dos Estaduais

Fanta tem carinho especial também pelas muitas passagens pela seleção do Brasil

- Peter Falcão
Pauta Livre Assessoria
O grande goleiro não esconde as doces lembranças das suas participações nos Estaduais. Fotos: Peter Falcão.
 
 
 

 Goleiro consagrado, que defendeu a Seleção Brasileira em algumas das maiores competições do planeta, o carioca Leandro Fanta, 36 anos, lembra, com carinho, das suas participações nos Campeonatos Estaduais de Futebol de Areia de 2013 e 2014, nas quais foi eleito o “Melhor Goleiro”. 

 

Em ambos, Fanta defendeu Anchieta e foi determinante durante as campanhas e, sobretudo, nas grandes finais. Em 2013, Anchieta e Cariacica chegaram à final e tiveram partida épica. Após empate pór 2 a 2 no tempo normal e 1 a 1 na prorrogação, Anchieta venceu por 1 a 0 nas penalidades com Fanta fazendo grande defesa após cobrança de Jonas Balão. 

 

Já em 2014, o arqueiro fez grandes exibições, principalmente na decisão, e garantiu o bi após Anchieta vencer Vila Velha por 4 a 2, com grande número de torcedores na arena. 

 

O grande goleiro não esconde as doces lembranças das suas participações nos Estaduais. 

 

“Tenho saudades das arenas lotadas, jogos de altíssimos níveis. Mas minha principal lembrança é a final contra Cariacica. Após um jogo eletrizante e de alto nível, fui campeão pela linda cidade de Anchieta, defendendo o pênalti do título”, recordou o pai da Luiza.  

 

Ele não esquece das amizades. “Fiz muitos amigos no Espírito Santo no futebol de areia! Dentre eles, Bruno Xavier, Mão, Buru. Mas fora do campo um amigo foi especial, o grande e saudoso Davi, diretor da seleção de Anchieta, falecido no ano passado”, destacou. 

 

“O povo capixaba é um pouco parecido com os cariocas. Acho minha amizade com os capixabas vem dessa conexão. Amo a cidade de Anchieta. Sempre que posso, dou um pulo para curtir as cidades de Anchieta, Iriri, Vitória. Tenho um grande apreço por elas!”, concluiu a fera campeão do Brasileiro de Futsal pelo Tio Sam. 

 

Fanta tem carinho especial também pelas muitas passagens pela seleção do Brasil. “A seleção brasileira é a cereja do bolo né? Ali fiz amigos, joguei Mundiais, conquistei títulos e conheci o mundo”, disse o arqueiro formado em Educação Física. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Quais são os piores motoristas de Colatina

47.2%
23.1%
29.7%