29/05/2019 às 18h32min - Atualizada em 29/05/2019 às 18h32min

Programa ambiental visa salvar bacia hidrográfica da extinção

Lançamento será no Campus do Ifes de Santa Teresa

Divulgação
Setenta produtores rurais assinam na próxima segunda-feira, 3 o  termo de adesão ao projeto Produtor de  Água a fim de despertar as comunidades para salvar o Rio Santa Maria do Doce da morte anunciada.

O lançamento do programa ambiental orçado em R$ 1, 1 milhão acontece a partir das 8h no auditório do Campus do Ifes de Santo Antônio do Canaã, em Santa Teresa na serra capixaba.

As nascentes dos terrenos rurais serão cercadas e reflorestadas, além da escavação de caixas secas e recuperação de áreas degradadas, detalha o secretário de agricultura de Santa Teresa Jorge Natalli.

“Um plantio simbólico de ao menos 100 mudas será executado na área do Campus. As comunidades ao longo do rio em Santa Teresa, São Roque do Canaã e Colatina precisam abraçar a causa", conclama o secretário.

O prefeito de Santa Teresa Gilson Amaro e o vice César Simonassi confirmaram presença no evento ecológico. No dia seguinte da assinatura dos contratos, máquinas e homens da empresas vencedoras da licitação iniciam o serviço.

De acordo com Jorge Natalli,  5.029 mil metros de cercas serão construídas visando isolar olhos d’água, 20 hectares de áreas florestadas com nativas da Mata Atlântica e 3.039 caixas secas escavadas.

Dois anos depois de elaborado, o programa ambiental ganha vida diante do rio maltratado pelo lixo, assoreamento, irrigação descontrolada e poluição doméstica e industrial.

A grande seca dos verões 2013/2014 e 2014/2015 acabou com a água da calha principal do Rio Santa Maria e extinguiiu a fauna aquática  resultando em condições críticas que provocou a crise extrema de água com impactos em diversos setores da sociedade.  

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Quais são os piores motoristas de Colatina

46.4%
23.4%
30.2%