11/11/2019 às 18h00min - Atualizada em 11/11/2019 às 18h00min

Pé de Flor encanta na frente de escola infantil em Colatina

Os calçados despertam atenção pela criatividade e estão sendo levados pela população

- Nilo Tardin
A Cara da Alegria,professora Jussara e as crianças mostram sua obra de arte aos colatinenses
O sapato florido virou uma cobiçada atração na porta da escola infantil Marcelo Correa no centro de Colatina, noroeste capixaba.

Velhos calçados sem serventia agora são criativos e coloridos vasos de plantas.   Aos poucos a coleção que enfeita o parapeito do colégio vai diminuindo, furtivamente surrupiadas pelos passantes.

 “As pessoas pegam e levam para casa, nem adianta falar que não pode porque se trata de um trabalho feito pelas crianças e familiares. A proposta foi conscientizar a reciclagem através da arte”, relata bem humorada a professora Jussara Delfino Caldeira, 24 anos.

Outros colégios também fizeram sapatos floridos, porém intensa movimentação na área despertou a curiosidade. 

A escolinha fica numa região centralizada onde a pressa marca o ritmo do dia com muita gente amontoada nos pontos de ônibus, hospitais, bares, farmácias,supermercados, fórum e praças. 

Jussara Caldeira e outros educadores colatinenses acataram o desafio do Projeto Pirlimpimpim de aliar arte e reciclagem de sapatos em casa.

“Fiquei surpresa com o empenho da família no trabalho escolar, as crianças trouxeram de casa os calçados pintados com as plantas. Ao menos 230 unidades foram feitas pela criançada", afirmou.

Uma pesquisa recente revela que o sapato é o 'campeão' do lixo na foz do Rio Doce em Regência na cidade de Linhares (ES).

“Cada uma trouxe do seu jeito ficou lindo não é mesmo”, descreveu. A diretora do Marcelo Correa Lúcia Fioroti explica que a temática de educação ambiental foi desenvolvida com sucesso há cerca de três meses pelos alunos. “Além de tornar a escola mais bela”, resumiu.
 
O projeto Pirlimpimpim é coordenado pela professora Cláudia Tardin, a Kaká visa aliar arte e educação no ensino público e gratuito.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Quais são os piores motoristas de Colatina

44.4%
24.2%
31.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...