12/11/2019 às 12h33min - Atualizada em 12/11/2019 às 12h33min

​Fila de 1 km para tirar título de eleitor

- Nilo Tardin
A fila alcançou cerca de 1 km no sábado, 9 marcado pelo sol forte e calor infernal
A fila quilométrica  que serpenteou  o quarteirão do cartório da 6ª zona eleitoral nesta sábado, 9 provou mais uma vez que o brasileiro deixa tudo pra última hora.
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) decidiu prorrogar até o próximo dia 26 o recadastramento biométrico em Colatina, noroeste capixaba.

A Justiça eleitoral alega a instabilidade do sistema de cadastramento, e não a fila de  1km de gente espremida entre as paredes das casas e sol abrasador de 40º na cabeça.

Valeu de tudo pra refrescar o calorão, água mineral, de coco, picolé, sorvete e sombrinhas que deixou mais colorida a manhã de sábado em frente ao cartório em Maria das Graças.

As inscrições começaram em 11 de setembro e terminariam nesta quinta-feira, 14. “Tá osso. Bem que poderiam esticar o prazo”, sugeriu o balconista Alfredo Nunes, 58 anos cheguei as 7h nem abriu ainda”, afirmou.

A Justiça eleitoral alerta.Quem não fizer a biometria está sujeito a penalidades de lei, terá o título de eleitor cancelado, não poderá votar nas eleições de 2020, tirar passaporte, nem ser nomeado em concurso público.

Para fazer o recadastramento basta levar o título, documento com foto, cpf e comprovante de residência.

Para atender aos 88.412 eleitores da 6ª Zona de Colatina o horário de funcionamento durante o período da campanha será de segunda a sábado, das 9h às 18h.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Quais são os piores motoristas de Colatina

46.4%
23.4%
30.2%